Feira Livro

Festival Imaginária_, organizado pela Lovely House Editora, convocou editoras, autores e coletivos a participarem da primeira edição da sua feira totalmente dedicada a publicações de fotografia, a Feira Livro.

_alter edições [SP] / {Lp} press [RJ]

A alter edições funciona como extensão de projetos curatoriais relacionados à fotografia, através de um modo colaborativo, em que os autores são parte integrantes dos processos de elaboração e produção.

{Lp} press – uma ideia na mão. Somos uma editora de fotolivros que acredita que cada projeto pede soluções originais. A edição das fotos, a arte gráfica, a escolha do papel, a técnica de impressão, o acabamento: todas as escolhas são pensadas sob medida para cada livro, produzido em diálogo constante com a autora ou autor.

Zero, cadernos de fotografia

Zero, cadernos de fotografia, nasce para ser um lugar de reflexão teórico e visual em torno da imagem fotográfica, considerando-a como um objeto conceitual por natureza híbrido, miscigenado e impuro. Este primeiro número, obra coletiva, deu preferência por explorar a diversidade de abordagens do meio fotográfico, em detrimento de um fio condutor temático único. Além dos doze ensaios visuais, traz texto do curador Eder Ribeiro e do pesquisador Fernando de Tacca.

Dimensões: 22 x 16 cm
Páginas: 116
ISBN: 978-65-00-15091
Edição:
Ano: 2021
Tiragem: 300
Idioma: português/inglês
Tipo de encadernação: costura aparente
Local de produção: São Paulo, Brasil
Editora: alter edições
Crédito das fotos: Eder Ribeiro

R$ 88,00
Histórias que criamos para nós mesmos

Marcia Gadioli

Obra em que Márcia Gadioli mistura técnicas, da impressão digital à transferência manual de imagens. Através do diálogo entre fotografias próprias e outras reapropriadas ela evoca a memória dos lugares, conectando rastros e ausências.

Dimensões: 9,5 x 14,5 cm
Páginas: 19
Edição:
Ano: 2021
Tiragem: 50
Idioma: português
Tipo de encadernação: canoa, amarrada
Local de produção: São Paulo, Brasil
Editora: alter edições
Crédito das fotos: Eder Ribeiro

R$ 50,00
Ato Falho

Leda Braga

Em Ato Falho, Leda Braga confronta universos distintos, hora dos objetos produzidos em massa, hora da incongruência do cotidiano, ela sugere o lapso existente entre a promessa de uma contemporaneidade pautada pela oferta de mercadorias em abundância, quase ilimitada e a realidade, precária, incompleta. A obra está sendo lançada no Festival IMAGINÁRIA_

Dimensões: 21 x 15 cm
Páginas: 48
ISBN: 978-65-00-00723-7
Edição:
Ano: 2020
Tiragem: 30
Idioma: português
Tipo de encadernação: canoa, com elástico
Local de produção: Ribeirão Preto, Brasil
Editora: alter edições
Crédito das fotos: Eder Ribeiro

R$ 45,00
O murmúrio das coisas

Denis Santos

O fotolivro O murmúrio das coisas traça um panorama da produção dos últimos 10 anos do fotógrafo Denis Santos. Ele constrói, através de fragmentos, um percurso onírico de desejos e experiências individuais, um mundo em suspensão, permeado pelo murmúrio das coisas. As imagens são constituídas ao longo do tempo, num processo cumulativo e contínuo, não guardando entre si relações diretas, imutáveis. Nesse sentido se configuram fragmentos autônomos, mas que restam abertos a reconfigurações diversas.

Dimensões: 16 x 12,5cm
Páginas: 96
ISBN: 978-65-80246-00-7
Edição:
Ano: 2019
Tiragem: 300
Idioma: português
Tipo de encadernação: capa dura
Local de produção: Ribeirão Preto, Brasil
Editora: alter edições
Crédito das fotos: Eder Ribeiro

R$ 65,00
when we left to the moon

Vitor Bossa

O fotolivro “when we left to the moon” se estrutura através de textos e imagens, formando uma espécie de diário visual e literário de Vitor Bossa, onde são compilados momentos dos últimos nove meses. Embora o cotidiano seja a base de sua produção, é através do deslocamento dessas imagens para um território entre a ficção e o onírico que ele constrói sua narrativa de um mundo em abandono. Foi um dos selecionados na Convocatória de Fotolivros | Festival ZUM 2019.

Dimensões (alt x larg): 
Páginas: 
Edição:
Ano: 
Tiragem:  
Idioma: 
Tipo de encadernação: 
Local de produção: São Paulo, Brasil
Editora: alter edições
Crédito das fotos: Eder Ribeiro

R$ 50,00
havia sol e éramos novos

Jordi Burch (fotografias), Ana Sofia Fonseca, Guillaume Pazat, Jorge Araújo, Martim Ramos e Ricardo Rodrigues (textos)

As fotografias desse livro partiram do projeto DR – Diário da República, idealizado pelos fotógrafos do extinto coletivo kameraphoto, entre eles, Jordi. Iniciado em 2010, ano em que Portugal celebrou o centenário da proclamação da República, DR propunha, a partir da documentação do país a cada dois anos, a construção de uma memória coletiva ao longo de uma década (2010-2020). Livro de artista impresso pelo próprio autor em papel pólen, folhas duplas soltas, permitindo diversas combinações entre elas.

Dimensões: 38 x 23,5 cm
Páginas: 32
Edição:
Ano: 2015
Tiragem: 20
Idioma: português
Tipo de encadernação: folhas soltas duplas
Local de produção: São Paulo, Brasil
Editora: autoedição
Crédito das fotos: Eder Ribeiro

R$ 300,00
Hotel 66

Lula Ricardi

A publicação apresenta fachadas de hotéis simples e anônimos da cidade de São Paulo. As imagens noturnas mostram as luzes, a arquitetura informal e a aparência lúgubre desses locais que se destacam com a chegada da noite, competindo a atenção na grande metrópole.
Os neons coloridos e a interação urbana fazem dos 66 hotéis fotografados um recorte da contemporaneidade, trazendo a possibilidade de um olhar poético sobre esses cantos despercebidos no dia a dia. Contemplado pelo XV Prêmio Marc Ferrez /FUNARTE.

Dimensões: 25 x 20 cm
Páginas: 120
ISBN: 978-85-922280-0-2
Edição:
Ano: 2017
Tiragem: 1000
Idioma: português/inglês
Tipo de encadernação: capa dura
Local de produção: São Paulo, Brasil
Editora: autoedição
Crédito das fotos: Eder Ribeiro

R$ 100,00
Set completo de 52 zines (#umzineporsemana2018)

A obra 52 zines é resultado de uma maratona editorial de autopublicação. A {Lp} press se lançou o desafio de produzir 1 fotolivro por semana, da ideia à pagina impressa, ao longo de todo o ano de 2018. 52 semanas, 52 livros inéditos. Cada zine é uma obra autônoma, feito artesanalmente, sem temática, formato ou projeto gráfico padronizados. Em seu conjunto, 52 zines celebra o processo de trabalho e a potência criativa da arte impressa independente. Confira os livros em lppress.pictures/umzineporsemana2018

Dimensões (alt x larg): variadas
(52 zines tamanhos A3, A4, A5 e outros)
Páginas: variado
Edição:
Ano: 2018
Tiragem: N/A
Idioma: português
Tipo de encadernação: variados
(canoa costurada/wire-o/canoa grampeada)
Local de produção: Rio de Janeiro, Brasil
Editora: {Lp} press
Crédito das fotos: Rony Maltz

R$ 2.800,00
1929-1970

Joaquim Paiva

“Este livro é uma homenagem à minha mãe; surgiu a partir dos diários autobiográficos e visuais que faço desde 1998. Logo percebi que começava a registrar nos meus cadernos o dia de seu aniversário de nascimento: 14 de fevereiro; e o de morte: 30 de outubro. Depois acrescentei as fotografias que fiz dela e de meu pai em 2002 a partir do álbum de família – fotos em preto e branco no meio da bela terra vermelha de Brasília, onde morei e trabalhei durante muitos anos. Por último, incluí no projeto o caderno em que meu pai declarava seu amor por minha mãe, em imagens e palavras – o único objeto que me restou dele, falecido antes de eu completar três anos de idade. Com o tempo e com a quantidade de diários que fui acumulando (tenho hoje 154), me dei conta de que, como fotógrafo e artista, deveria reunir este material em um livro de fotografias, para nele concretizar a memória de minha mãe, de quem nunca me esqueci.”
– Joaquim Paiva. Rio de Janeiro, julho de 2019

Dimensões (alt x larg): 23 x 19 cm
Páginas: 132
ISBN: 978-85-93630-06-4
Edição:
Ano: 2019
Tiragem: 300
Idioma: português/inglês
Tipo de encadernação: cadernos costurados
Local de produção: Rio de Janeiro, Brasil
Editora: {Lp} press

R$ 120,00
Baixo Estácio

AC Junior

“Baixo Estácio faz meu coração cantar de raiva pelas covardias que vi, e me faz reconhecer, como no samba com João de Aquino, que eu vim da Maia Lacerda e essa merda faz parte de mim. (…) Por isso, as fotos de AC Junior parecem miragens: o Estácio é um deserto que seus adoradores transformam em oásis coloridos – um pedaço da cidade cheio de joias fulgurantes e rios diamantíferos que, se forem olhados de perto, são farrapos de serpentina catados por uma criança na sarjeta.”
– Aldir Blanc

Dimensões (alt x larg): 23 x 17 cm
Páginas: 64
ISBN: 978-85-93630-05-7
Edição:
Ano: 2019
Tiragem: 300
Idioma: português
Tipo de encadernação: cadernos costurados
Local de produção: Rio de Janeiro, Brasil
Editora: {Lp} press

R$ 150,00
Elson faz 7.0

Joaquim Paiva

Fotolivro de Joaquim Paiva em homenagem a seu irmão Elson, por ocasião de seu aniversário de 70 anos.

Dimensões (alt x larg): 20,5 x 16,5 cm
Páginas: 40
Edição:
Ano: 2018
Tiragem: 200
Idioma: português
Tipo de encadernação: canoa costurada
Local de produção: Rio de Janeiro, Brasil
Editora: {Lp} press

R$ 40,00
Farsa Truque Ilusões

Joaquim Paiva

Farsa Truque Ilusões compreende sequências fotográficas produzidas por Joaquim Paiva entre 1970 e 1978 em Brasília, Ottawa e Caracas, onde o fotógrafo viveu e trabalhou. Nessas obras, recombinadas no livro para dar forma a um novo corpo de trabalho, o autor usa a câmera para registrar suas ações performáticas no espaço, intervém no ambiente e utiliza o próprio corpo como matéria de arte, criando uma relação complexa entre linguagem verbal – palavras e letras que ele incorpora às imagens – e discurso fotográfico.
Como promete o título, “Farsa” tem uma relação ambígua com o real. Ao mesmo tempo em que o artista documenta sua presença na paisagem e captura aspectos dessa temporalidade própria – a “pós-moderna” década de 70 –, deixa brechas para desconfiarmos dessas evidências. Trata-se, afinal, de fotografias: objetos propícios à criação de mundos ficcionais, encenados; imagens carregadas de símbolos cuja materialidade remete antes ao filme negativo em si, que se usava na época, e ao próprio papel fotográfico, do que ao corpo de carne e osso, aos edifícios de concreto, à terra e ao ar – onde plásticos coloridos performam uma dança ao acaso.

Dimensões (alt x larg): 21 x 16,5 cm
Páginas: 76
ISBN: 978-85-93960-00-2
Edição:
Ano: 2017
Tiragem: 500
Idioma: português/inglês
Tipo de encadernação: cadernos costurados
Local de produção: Rio de Janeiro, Brasil
Editora: {Lp} press

R$ 80,00
IMS Convida

Joaquim Paiva

Fotolivro de Joaquim Paiva a partir de fotos da inauguração da sede paulista do Instituto Moreira Salles, em 19 de setembro de 2017.

Dimensões (alt x larg): 20 x 16,5 cm
Páginas: 40
Edição:
Ano: 2018
Tiragem: 200
Idioma: português
Tipo de encadernação: canoa costurada
Local de produção: Rio de Janeiro, Brasil
Editora: {Lp} press

R$ 40,00
Midiateca - Escritos sobre fotografia contemporânea brasileira - vol 2

Antonio Fatorelli, Victa de Carvalho [org.]

O segundo volume da coleção Midiateca vem consolidar as investigações desenvolvidas pelo grupo de pesquisa Fotografia, Imagem e Pensamento (FIP), sediado no PPGCOM-ECO/UFRJ. Os dez ensaios reunidos nesta publicação expressam algumas das principais tendências estéticas delineadas nesse amplo território ocupado pelas práticas artísticas contemporâneas, em especial pela fotografia na sua relação com outras linguagens e processos artísticos. Conta com textos de Antonio Fatorelli, Fernando Gonçalves, Barbara Bergamaschi, Rony Maltz, Daniela Rosa, Diego Paleólogo Assunção e Monica Torres, Júlia Paes Leme, Victa de Carvalho, Leonardo Motta e Annádia Leite Brito, analisando trabalhos produzidos sob o signo do hibridismo entre diferentes linguagens, como os de Antonio Saggese, Claudia Jaguaribe, Anna Maria Maiolino, Claudia Andujar, Cris Bierrenbach, Laura Erber, Luiz Baltar, Gilvan Barreto, Solon Ribeiro e do Coletivo Garapa.

Dimensões (alt x larg): 20 x 27 cm
Páginas: 124
ISBN: 978-85-93630-02-6
Edição:
Ano: 2018
Tiragem: 200
Idioma: português
Tipo de encadernação: cadernos costurados, capa mole
Local de produção: Rio de Janeiro, Brasil
Editora: {Lp} press

R$ 35,00
Midiateca - Escritos sobre fotografia contemporânea brasileira - vol 3

Teresa Bastos, Victa de Carvalho [org.]

PRÉ-VENDA! O terceiro volume da coleção Midiateca dá prosseguimento às investigações do grupo de pesquisa Fotografia, Imagem e Pensamento (FIP), do PPGCOM-ECO/UFRJ. Os ensaios reunidos no livro expressam algumas das principais tendências estéticas delineadas no amplo campo das práticas artísticas contemporâneas, em especial pela fotografia na sua relação com outras linguagens e processos artísticos. Com textos de Antonio Fatorelli, Annádia Leite Brito, Cristianne Rodrigues, Barbara Bergamaschi, Beatriz Morgado, Diego Paleólogo e Vinícius Kabral Ribeiro, Leandro Pimentel, Mariana Cavalcanti, Rodolfo Viana, Teresa Bastos e Victa de Carvalho, analisando as obras fotográficas de Letícia Ramos, Jonathas de Andrade, Luciana Magno, Denise Cathilina, Coletivo CS02, Virginia de Medeiros, Eustáquio Neves, Aleta Valente, Daniela Dacorso e Fernanda Magalhães.

Dimensões (alt x larg): 20 x 27 cm
Páginas: 124
ISBN: 978-65-00-14058-3 
Edição:
Ano: 2021
Tiragem: 200
Idioma: português
Tipo de encadernação: cadernos costurados, capa mole
Local de produção: Rio de Janeiro, Brasil
Editora: {Lp} press

R$ 50,00
Sete quedas

Shirlene Linny e Júlio Cardoso

Na manhã do dia 24 de março de 1979, o ex-embaixador José Jobim foi encontrado enforcado na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, pendurado a uma árvore por um fio de náilon. Dias antes, Jobim participara de um evento em Brasília no qual teria revelado que pretendia escrever sobre casos de corrupção na construção da usina de Itaipu. No fotolivro, os projetos de construção das usinas de Sete Quedas, durante o Governo de João Goulart, e de Itaipu, durante a ditadura, servem de pano de fundo para a exposição dos fatos que culminaram com a trágica morte do diplomata.

Fotografias em preto e branco da estrutura grandiloquente da hidrelétrica funcionam como metáforas visuais do aparato intimidador do Estado. Mobilizando registros autorais, matérias de jornais e documentos de arquivo, os autores remontam a história do brutal sequestro e assassinato do ex-embaixador e a suspeita investigação do caso, emblemático de um período obscuro da história brasileira.

Sete quedas é um documento perturbador do poder de construção (e destruição) da memória pelo aparelhamento do Poder Público e dos meios de comunicação.

Dimensões (alt x larg): 29 x 20 cm + dossier 29 x 20 + zine A5
Páginas: 72 (livro principal); inclui dossier e zine (28 p)
ISBN: 978-65-00-08528-0
Edição:
Ano: 2020
Tiragem: 100
Idioma: português/inglês
Tipo de encadernação: wire-o
Local de produção: Rio de Janeiro, Brasil
Editora: {Lp} press

R$ 288,00
Sobremarinhos: Capitanias e tiranias

Gilvan Barreto

“Sobremarinhos – Capitanias e Tiranias fala de um país, uma terra em transe, na qual a lógica sucumbiu, o ódio se alastrou, o diálogo político foi corrompido e os salvadores da pátria se perderam entre messianismos anacrônicos e negociatas escusas.”
– Eder Chiodetto, curador

Patrimônio Natural da Humanidade, primeira capitania hereditária e alvo das políticas do governo atual, Fernando de Noronha foi cárcere de presos políticos da ditadura militar de 1964. Produzido a patrir de exposição realizada no arquipélago em Julho de 2019, o fotolivro reúne imagens daquela época, textos, colagens, registro de vídeos e fotografias – além de incorporar ameaças e intimidações recebidas durante a exposição.

Texto – Eder Chiodetto
Produção – Jaraguá Produções

Dimensões (alt x larg): 29,7 x 21 cm
Páginas: 56
Edição:
Ano: 2019
Tiragem: 2000
Idioma: português
Tipo de encadernação: canoa grampeada
Local de produção: Rio de Janeiro, Brasil
Editora: {Lp} press

R$ 40,00

PROJETO FOMENTADO COM RECURSOS DA LEI ALDIR BLANC
EDITAL PROAC EXPRESSO LAB Nº 40/2020 POR MEIO DA SECRETARIA DE CULTURA E ECONOMIA CRIATIVA DE SÃO PAULO

Back To Top